Concretizar o destino que se abre à nossa frente

E chegamos ao fim do nosso caminho, agora que também findou junho. Chegou o momento de unir esforços, partilhar, concretizar o destino que se abre à nossa frente.

Na realidade o caminho da gentileza não termina nunca (ou, não deve terminar), mas chegou o momento de não o trilharmos sozinhos. Chegou o momento de receber mais alguém neste caminho, de partilhar o que aprendemos, o que demos e recebemos ao percorrê-lo, chegou o momento de embraçar a gentileza e tudo o que nos traz.

Vi ontem um vídeo sobre uma portuguesa extraordinária, de nome Maria, que é o exemplo perfeito do que andamos aqui a falar. Criada por gentileza por uma mãe que não a sua, lutou e esforçou-se com a energia que essa gentileza dava. Escapou da pobreza, estudou, teve uma carreira.

Mas o caminho da gentileza não deixa ninguém indiferente. Quem a recebe não consegue não a dar. E encontrando um dia, do outro lado do mundo, crianças que precisavam de gentileza como um dia ela precisou, superou-se, uma e outra vez, para garantir a estas crianças, alimentação, uma educação, um futuro.

Maria quebrou os seus recordes, quebrou recordes do Guinness. Com apenas consigo própria foi mais longe que se poderia sonhar. E continua a fazê-lo todos os dias.

Extraordinário é o que fazemos com os dons que nos dão. Extraordinário é do nada fazer muito, mesmo muito. Extraordinário é o que se consegue percorrerendo o caminho da gentileza, partilhando, concretizando um destino que não só é nosso mas também dos outros.

Sejamos todos Maria.

Be your self – Be your best – Enjoy your life

https://www.instagram.com/reel/C8KLhDryFpJ/?igsh=MWlsNGdnb2huaTVyMg==

Partilhar artigo!

Últimos artigos

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *